Seguidores

7.12.07






A gorda Mrs. Rooney (essa blogueira) em algumas cenas da peça radiofonica de Samuel Beckett "Todos os que caem", apresentada no Teatro SESC-Tijuca, no Rio de Janeiro.

Todos os que caem
é a peça radiofonica de Samuel Beckett (1906-1989) na tradução primorosa da Fátima Saadi que será apresentada no
sabado dia 8 às 17hs. e
domingo, dia 9, em duas sessões às 17 e às 20hs.
Entrada franca mediante convite,
no Teatro do SESC-Tijuca II

Essa montagem é o resultado do final de curso do meu grupo de estudos de Beckett, durante o ano todo no SESC-Tijuca. O curso "O jôgo de Beckett" destinado a atores, diretores e estudantes de artes cênicas, foi ministrado pela atriz, diretora e doutora em artes cênicas, Isabel Cavalcanti, dentro do Projeto do CEAE - Centro de Estudo Artístico Experimental, coordenado pela Ana Kfouri.
O CEAE, no seu sétimo ano atividades, é um espaço dedicado à experimentação e à investigação artística.

"Todos os que caem", escrita em 1956, a pedido da BBC, é a primeira peça radiofonica de um dos mais importantes e singulares autores do século XX, e um dos mais estudados no mundo todo.
Esse texto é peculiar, dentro da vasta obra beckettiana ( peças teatrais, romances, contos, novelas, peças para radio, poesia, ensaios, tradução e um roteiro para cinema "The film" com Buster Keaton no papel principal ), pelo virulento tom de protesto, existencial e religioso, começando pelo título da peça derivado de um salmo bíblico, alvo de escárnio pelo casal de protagonistas, Mrs Rooney - a personagem que eu interpreto, e o seu marido, Mr. Rooney (o velho cego Dan).
A minha personagem, a Mrs Rooney, num dialogo com o marido, respondendo à sua pergunta sobre o título do sermão de domingo, responde:

"O Senhor sustém todos os que caem e eleva todos os que estão prosternados." (Silêncio. Caem ambos numa gargalhada selvagem...) Entre parentesis, a rubrica do Beckett.
Sentiram a responsa? Mrs. Rooney é um raro presente para uma atriz.

UP DATE: Se alguem tiver agenda livre, passe um mail ou me telefona. Eu tenho ainda alguns convites para qualquer um dos dias.

Nenhum comentário: