Seguidores

27.6.10

HELP - Fui mexer nos templates do blog para colocar aqui um livro de visitas, e agora não consigo visualisar o blog. Tentei entrar pelo google etc.. e trava. Esse é um post de teste para ver se eu consgio postar alguma coisa. Algum vizinho blogueiro poderia dar um help?
Computador a gente sabe,não é ciência, é macumba! Sábio Millôr.

UPDATE - Enfim conseguí recuperar o blog. Eu conseguia postar, mexer nas configurações, mas o blog não era visualisado. Há duas semanas ralando aqui nos templates do blog e finalmente tudo voltou ao normal. Aproveitei e mudei o layout. Mandem sugestões e comentários sobre o novo layout. Vocês nem imaginam o tamanho da minha alegria ... blogueiro sofre... blog dá muito trabalho.

22.6.10

Saiu o aguardado tombamento do Teatro Oficina. Zé Celso for ever!

Enfim, a inédita e esperada pós do Método Angel Vianna

É com o maior alegria que esta escriba anuncia para o mundo:
enfim saiu a tão falada e aguardada Pós em Metodologia Angel Vianna.
As inscrições estão abertas com desconto de 20% para os primeiros inscritos.
No corpo docente, os melhores professores da FAV. Entre eles, o genial professor MAURO COSTA que eu tive o privilegio das suas aulas (Arte e Educação), quando eu cursava Recuperação Motora. Ele despertou o meu interesse pela filosofia, e nos apresentou aos filosofos dos estóicos, socraticos a Delleuze e Gattari, devirs, corpo sem órgãos e outras singularidades. Um Mestre.
HELIA BORGES, uma unanimidade na FAV pela sua alta competencia, eu a conheço dos seminarios que ela organiza lá, e dos quais já tive o privilegio de participar. MARIA THEREZA FEITOSA, a nossa querida professora das aulas de eutonia, que ajudou a "iluminar" a minha coluna (vertebral).
Aliás, devo declarar que de todas as tecnicas corporais que estudamos, a eutonia é a mais próxima do Método da Angel Vianna. Posso constatar isso pelas aulas da Mestra Angel no curso livre de conscientização corporal que eu frequentei desde 1987, antes da minha formação em 1996.
Esses privilegiados que fizerem essa pós, vão ter ainda aulas no intensivo com a MESTRA ANGEL VIANNA - um raro presente.

20.6.10


O jogo Caminhozinho é uma performance realizada com a participação do público. Uma pessoa por vez senta em uma cadeira de massagem e torna-se o tabuleiro de um jogo no qual os jogadores realizam toques suaves em suas costas. Ao longo do dia são realizadas várias sessões de Caminhozinho nas costas de diferentes pessoas. Cada partida do jogo demora em média 12 min.

Programação de Caminhozinho na Escola Angel Vianna Tel. 2551-0099
quinta feira, 24 de junho, 13 às 17 h (sessões de 12 minhutos)
e oficina ensinando os princípios do jogo:
sábado, 26 de junho, 10h às 13h (atividades gratuitas)

Vale a pena conferir. Acompanho há tempos, o trabalho das pessoas envolvidas (aliás, foi na oficina do Nadam na EAV que criei a minha performance "Dizinbolsa") no projeto e posso atestar da seriedade do trabalho.

16.6.10

 

Onde eu botei o meu nariz?
Clownesse Sassah Coco de La Merde, vulgo Palhaça Sassah, dando pinta no intervalo da sua apresentação em Campinas, no espetáculo "Tardelia" dirigido pela Mestra Adelvane Néia, Palhaça Margarida,resultado da oficina de palhaças, no Teatro Barracão, em fevereiro desse ano. Na platéia, aplaudindo as palhaças de vários estados brasileiros, Carlos Simione do LUME, Edesio Magalhães, Palhaço Biribinha, entre outras personalidades. Sorry, palhaças. Podem nos invejar á vontade.
Posted by Picasa

Aqui no Artimanhas, mais fotos da Clownesse Sassah no III Festival Internacional de Comicidade Feminina - Esse Monte de Mulher Palhaça, no SESC-Copacabana, em setembro do ano passado.

Comentário aqui

9.6.10


Orlando Miranda, muito emocionado, na solenidade da entrega da Medalha Tiradentes e do Diploma auferidos pelo Deputado Audir Santana, no plenário da Câmara dos Deputados, na ALERJ.

Perfeito Fortuna, Orlando Miranda, Deputado Audir Santana, ao centro, Aderbal Freire Filho e Max Hauss no lugar de honra do Plenário. Perfeito, Aderbal e Max discursaram ou melhor, contaram causos dos mais sérios aos mais engraçados sobre sua convivencia com o homenageado, e como este influenciou e marcou de alguma forma suas vidas.

Da esquerda para a direita, os atores Rogerio Froes, Perfeito Fortuna, o diretor e ator Aderbal Freire Filho, Orlando Miranda, o produtor teatral Oscar José, o diretor e ator Mariozinho Telles, o Djalma gerente da Fiorentina, e esse menino lindo é o filho do Mariozinho Telles. Esse grupo gostou desse cantinho do saguão da ALERJ e ficou um tempão aí trocando figurinhas.

O ator Othon Bastos e a sua esposa, a atriz Martha Overbeck, a quem tive o prazer de reencontrar depois de décadas, muito bela e completamente ao natural, isto é, sem apelar para intervenções que não as da própria natureza. Com a cara e corpo que Deus lhe deu, não precisei de nenhum esforço para reconhecê-la. Sábia Martha!

Othon Bastos, Orlando Miranda e a sua neta Camila (ela foi responsável pela produção do audio visual no saguão da ALERJ, com as fotos mais marcantes na carreira do homenageado) e o produtor (Oi Casa Grande) Max Hauss. O Max durante o seu "discurso" no plenário, não sem razão, detonou a acustica do plenario da ALERJ. L'ambience ficou tenso.


Um belo e arrojado numero de circo muito aplaudido pelos presentes. Essa menina da foto voou - literalmente. A minha cabeça, na primeira fila correu altos perigos, não fora a competencia dos meninos. Além de voadora, é forte pacaramba, segurou um desses fortudos, seu colega e o sustentou no muque. Uma homenagem da Escola Nacional de Circo ao seu criador, Orlando Miranda. E, no saguão da ALERJ, após a solenidade um numero de bailarinos de tango muito aplaudidos, o Jorge Paulo (do TECO - alguém lembra? Pioneiro da venda antecipada de ingressos para as companhias) e sua partnaire. Alguns presentes animados pelo "pró-seco" ensaiaram alguns passinhos de tango - sem sucesso. Aliás, a festa no saguão rolou animada numa grande confraternização da classe, e teria varado a noite, não fora o horario para fechamento da ALERJ às 22 hs. Noblesse oblige. A noite acabou em pizza (metáfora á parte, era fome mesmo) na Fiorentina.


Orlando Miranda, feliz e emocionado no final da festa, com a sua esposa, Dra. Cláudia Camanho.

7.6.10


KAZUO OHNO (*1906+2010)
Uma das figuras mais importantes da dança mundial, o mestre do butoh KAZUO OHNO morreu na madrugada da terça-feira passada, dia 1 de junho, de insuficiência respiratória, em Yokohama, no Japão. Ele estava com 103 anos (completados em outubro de 2009).
Do grande mestre, reproduzo aqui uma resposta que para mim, sintetiza toda sua dança. Ao ser pergutado sobre o que era o butoh para ele, respondeu simplesmente:

É uma pergunta difícil de responder. Cada dançarino tem seu próprio butoh. Não existe um método , porque a dança é a expressão do interior de cada um. Por isso é singular em cada pessoa. Para mim , o butoh é , com palavras simples , apreciar a vida , minha e dos outros.

Indefinidamente Indivisível

Na próxima quinta-feira, dia 10, estrea no Centro Coreografico do Rio de Janeiro, o novo espetáculo da Pulsar Cia. de Dança, "Indefinidamente Indivisível", com direção da bailarina e coreografa Teresa Taquechel.

A Pulsar Cia. de Dança Contemporânea, dirigida por Teresa Taquechel, vem sendo considerada uma referência nacional no trabalho com arte, dança e deficiência. Desde sua criação, em 2000, vem refletindo em sua pesquisa coreográfica a multiplicidade do indivíduo e possibilidades de produção artística entre corpos ímpares com resoluções próprias de movimento.

Este novo espetáculo da Pulsar traça um roteiro de possibilidades e variantes. Bolas infláveis permitem que os corpos vivenciem a transformação e a imprevisibilidade do tempo e do movimento. O risco permanece, pois o erro é a parte viva do acerto: abre para o que pode vir a ser.

Como afirma o filósofo Henri Bergson:A mudança, se consentirem em olhá-la diretamente, sem véu interposto, bem rapidamente lhes parecerá como o que pode haver no mundo de mais substancial e mais durável. Sua solidez é infinitamente superior a de uma fixidez que não é mais que um arranjo efêmero entre mobilidades.

O uso das bolas infláveis neste processo investigativo é importante porque permitem que os corpos vivenciem de forma intensa a transformação e a imprevisibilidade do movimento. Abrem caminhos para uma entrada poética e plástica no pensamento bergsoniano.

A mudança é indivisível, o tempo – duração – é indefinidamente indivisível.

Breve historico da PULSAR:
A companhia, nestes nove anos, apresentou-se em diversas cidades brasileiras e em 2004, recebeu das mãos do Presidente da República e do Ministro da Cultura, o Prêmio Ordem ao Mérito Cultural.
Neste mesmo ano representou a América Latina na Cerimônia de Abertura, no Internacional VSA Arts Festival, em Washington-DC no Kennedy Center. Em 2006 foi contemplada pelos Prêmios Funarte Klauss Vianna (Dança) e o Além dos Limites e, em 2007, foi patrocinada pela Caixa Cultural, ficando em temporada com seu último espetáculo no Teatro da Caixa. É uma companhia residente do Centro Coreográfico do Rio de Janeiro e faz parte do Núcleo de Pesquisa Coreográfica da Escola Angel Vianna.
ARTE E SUPERAÇÃO - link para uma matéria do Jornal do Brasil, em 2003, e que esta escriba, guardava aqui nos seus alfarrabios.
Serviço:
Centro Coreográfico do Rio de Janeiro
Rua José Higino, 115 - Tijuca (mesmo prédio do Super Mercado Extra)
Tel: 2570-1247 e 2268-7139
Quinta a domingo, às 19:00 hrs. Ingresso: R$ 10,00 e R$ 5,00
Curta temporada de 10 a 20 de junho de 2010.

Fonte: site do bailarino da Pulsar, o
Rogerio Andreolli e
Pulsar Cia. de Dança.

Em tempo: o elenco desse espetáculo ainda não constava nas fontes pesquisadas, mas vou apurar. Excusez-moi-du-peu.

Quer comentar? Comentários serão sempre benvindos.

6.6.10

GYROTONIC PRA QUÊ TE QUERO.

Eu pensava em dar um tempo maior para os cursos de técnicas corporais até o mês passado, quando a Mestra Angel Vianna deu um toque, recomendando o Gyrotonic. Ela convidou a Rita Renha, facilitadora do método no Brasil para um nini curso de tres aulas por mês lá na FAV. Acontece que eu não aguentava mais durante anos a construção e descontrução de métodos e mais métodos. Quem é do "métier" sabe o que isso significa.

Pois é, mas esse aprendizado corporal é como um vício, a gente não larga nunca, e quanto mais estudamos e pesquisamos, mais a gente saca o quanto temos ainda que aprender sobre essa maquina que é o corpo humano. E, lá estou animadíssima desde o mês passado, praticando o Gyrotonic. E, pude constatar que estava precisando trabalhar a minha respiração. O Gyrotonic lembra muito no uso do corpo, o Método Angel Vianna de conscientização corporal, mas com uma bordagem diferente, privilegiando sempre a respiração. GYROTONIC é um método de condicionamento
fisico criado no final dos anos 70 pelo romeno JULIU HORVATH, ginasta, nadador, yogui, acunputurista e ex-primeirobailarino. O método se baseia nos princípios chaves do yoga, ta-chi-chuan, natação e ballet e consiste na prática de exercícios fisicos fluidos, ritmicos e circulares integrados à respiração que obedece à natureza do ser humano.
Os movimentos circulares, espiralados e ondulados que o caracterizam ajudam a aumentar a capacidade funcional da coluna, contribuindo com a consciência esférica e tridimensional, resultando em equilíbrio.
Esportistas o utilizam para desenvolver força, flexibilidade e eficiência. Pessoas de idade avançada usam para aliviar dores nas articulações e melhorar a amplitude de movimento. Terapeutas e médicos o indicam para reabilitação de lesões
Interessados telefonar lá para a FAV 2551-0099 e terá mais
detalhes. Terça próxima, dia 8 de junho, começa o segundo módulo.
Aulas as terças e quintas das 20 às 21,30 hs.
Junho: 08, 22,24
Julho: 06,08,13
Fonte de pesquisa:GirotoniC